Carros Usados – 4 Dicas De Como Comprar O Melhor Veículo

Os carros usados estão entre as opções mais interessantes para o público que busca uma opção mais acessível. Afinal, o preço de tabela é bem diferente dos novos.
Taynara Doni
Em Carros Usados · há 1 anos atrás

Os carros usados estão entre as opções mais interessantes para o público que busca uma opção mais acessível. Afinal, o preço de tabela é bem diferente dos novos.

Nesta perspectiva, separamos aqui tudo o que você precisa saber na hora de realizar esta compra, alguns comparativos relevantes para o seu bolso e cuidados que não pode deixar de tomar. Confira!

O Que Preciso Saber Antes de Comprar Carros Usados?

Primeiramente, comprar um carro usado significa investir em um bem que já esteve em outras mãos. Daí a necessidade de atenção.

Geralmente, essa negociação traz algumas vantagens interessantes. Como a entrega imediata do bem, menores custos com documentação, seguros são mais acessíveis e o valor difere quando comparado a um 0km.

Da mesma forma, frequentemente, essa compra significa que os carros não possuem vícios de fábrica.

Por outro lado, pode haver outros vícios, decorrente do uso, e questões relacionadas a documentação, garantia e visual.

Logo, é preciso equilíbrio para fazer um bom investimento, bem como evitar possíveis golpes. E, por golpes, não se trata apenas de vendedores que “somem” com o seu dinheiro. Mas de carros com defeitos, por exemplo.

Quando pensamos em carros novos, é comum que os custos gerais sejam mais caros, incluindo IPVA e seguros.

Mas também pode ser necessário esperar a fabricação/chegada, tem a questão das revisões de fábrica (que exigem deslocamento), etc.

Em todo caso, há prós e contras a serem analisados.

Caso seja disponibilizado algum documento ou informação do veículo, você poderá consultar dados diretamente no site do Detran.

Carros Usados
Carros Usados Imagem_ unsplash.com

Dicas de como comprar – Cuidados essenciais para carros usados

Agora, se você optou por um carro usado e até já sabe qual tem maior interesse, é hora de começar o processo de pesquisa. Isso significa considerar não apenas o valor, mas especificações.

Portanto, separamos algumas etapas que vão te ajudar:

1. Estado de conservação do veículo

A primeira dica é bastante generalista, mas vai te ajudar em um panorama geral. Principalmente se tem um veículo específico em mente.

Se você encontrou um T-Cross Highline, por exemplo, não basta considerar se a pintura está intacta e se não já batidas visíveis.

É preciso avaliar riscos menores, calotas, retrovisores, rachaduras nas áreas de plástico, estado dos bancos, teto, cheiros no interior, etc.

O estado de conservação, muitas vezes, é um dos principais pontos de atenção no momento da compra. Já que não são todos os donos que realmente cuidam do bem, fazendo com que detalhes importantes sejam comprometidos.

2. Documentação dos carros usados

Outro aspecto importante é considerar a documentação do veículo, para saber se as informações passadas pelo vendedor condizem com o que é real.

Esse ponto é importante para evitar a compra de veículos sinistrados ou, em alguns casos, com risco de busca/apreensão, de irem a leilão e mais. Acredite, no mercado, você pode encontrar diversas situações.

Ao se interessar por carros Blazer, por exemplo, confirme não haver danos nos chassis, se a documentação está completa, se falta algum dado importante, se foram vários donos ou não, reparos e mais.

Da mesma forma, confira se toda a documentação está em dia.

Incluindo o pagamento dos impostos, se há multas, taxas em atraso, se foram feitas revisões e trocas de óleo, etc.

Na prática, para a transferência, não deve haver nenhum tipo de débito em aberto.

3. Quilometragem e uso do carro

Os carros usados também devem passar por uma avaliação de uso. Ou seja, considere quanto aquele veículo já andou e qual era o motivo de uso.

Muitas vezes, em garagens, os vendedores citam que se trata de um carro pouco usado ou usado a passeio. Quase sempre, isso quer dizer quilometragem baixa e bom estado de conservação.

Entretanto, dependendo do uso, o estado geral do veículo pode estar comprometido.

Se você comparar um T-Cross X Virtus, o primeiro usado em sítios e estradas de barro, e o segundo mais utilizado em vias urbanas, o famoso carro de passeio, verá que o resultado dessa ação compromete a estrutura.

Tanto na questão de higiene básica quando motor, câmbios, sistema de frenagem, suspensão e mais.

4. Ande com o carro e consulte um profissional

Mecanico Carros Usados
Mecanico Carros Usados Imagem_ unsplash.com

Por fim, uma das dicas de cuidados na hora de comprar carros usados é andar com o veículo, até para ter certeza que está funcionando.

Em simultâneo, leve um mecânico de sua confiança para revisar motor e outros detalhes. O ideal é nunca confiar totalmente naquilo que o vendedor diz.

Inclusive, mesmo quando o vendedor é sincero sobre o veículo, essas medidas vão te ajudar a saber quanto terá que investir no bem ou demais cuidados a serem considerados.

Com a chegada do T-Cross Highline 2023, por exemplo, trazendo equipamentos mais sofisticados, as versões antigas podem ser atrativas para quem busca um valor mais acessível.

T Cross x Virtus: qual vale a pena?

T-Cross x Virtus
T-Cross x Virtus qual vale a pena? (Imagem canva.com)

Os dois carros da marca alemã VW chamam a atenção do público desde seu lançamento.

Em síntese, as pesquisas mostram que na disputa entre T-Cross x Virtus o primeiro apresenta mais vantagens para o público. Com revisões mais acessíveis, ainda que seguro mais caro, maior torque e menos peso/potência.

Além disso, tem um melhor consumo em áreas urbanas e rodoviárias, maior autonomia, bem como medidas mais vantajosas para os usuários.

Ademais, apresenta um alto padrão de segurança, tecnologia e eficiência em um modelo mais compacto. Algo requerido pelos compradores.

Já o Virtus conta com uma configuração aspirada 1.0 ficando na categoria de sedan compacto e com as melhores versões sendo as topo de linha.

Cabe destacar que o T-Cross é o modelinho famoso do momento, com sua carroceria que traz versatilidade e design arrojado. Por outro lado, o Virtus ganha espaço com o porta-malas de 521 litros.

Justamente por isso, é interessante considerar o uso e necessidades, já que cada modelo tem um aspecto único dentro da sua categoria, ainda que os SUVs estejam em destaque.